Fonte de notícias informa que MALCOLM apresenta sinais de demência



A agência de notícias Fairfax, uma das maiores empresas midiáticas da Austrália, teve acesso a uma fonte da família Young, que deu mais informações sobre o estado atual de Malcolm. Embora ainda não haja um diagnóstico claro, o músico dá sinais claros de demências como Alzheimer e outras do gênero, tendo dificuldades para reconhecer pessoas próximas e se comunicar com clareza. A esposa do guitarrista já providenciou equipe e estrutura para cuidados intensivos e ininterruptos.
Em relação ao fim da banda, a mesma pessoa declarou que o grupo ainda não discutiu o assunto, priorizando o bem-estar de seu membro fundador. Porém, desde os tempos com Bon Scott, Angus e o falecido vocalista entendiam que não poderia haver um AC/DC sem a presença de Malcolm, devido a sua liderança sobre todos. O músico não sai de Sydney desde que retornou pouco antes do último natal.

Comentários