GIBSON: Confira os discos mais aguardados deste ano!

O site da Gibson publicou uma relação com os cinco álbuns mais aguardados para o ano de 2015; confira abaixo a lista e alguns comentários de Anne Erickson, uma das redatoras do site:


Kid Rock "First Kiss" (24 de fevereiro)
Anne diz "Sou de Michigan, então Kid Rock está em meu sangue". Seu último trabalho foi o "Rebel Soul" de 2012, e o novo álbum, "First Kiss", está previsto para sair em 24 de fevereiro, trazendo nove faixas.


Faith No More (Abril)
Após anunciar o retorno em 2014, o Faith No More promete para abril deste ano seu novo álbum, o primeiro após um longo hiato, já que desde 1997 a banda não lança nada. A expectativa é grande, mas não se sabe o que poderemos esperar deste trabalho.


U2 "Songs of Experience" (ainda sem data definida)
U2 surpreendeu a todos com o "Songs of Innocence", álbum que foi lançado via iTunes e causou polêmica por ter sido disponibilizado para todos, mesmo aqueles que nunca baixariam um disco da banda, o que mostra que o U2 não tem pudor em chocar o público, mesmo que isto cause algum drama. E eles prometeram um novo trabalho para 2015, "Songs Of Experience", que junto ao anterior formará o pacote "Songs of Innocence + Experience".


Red Hot Chili Peppers (ainda sem data definida)
O último álbum do grupo foi o "I'm With You" de 2011, primeiro a contar com o novo guitarrista Josh Klinghoffer, que entrou no lugar de John Frusciante em 2009. O que se sabe é que eles estão em estúdio com um produtor cujo nome é mantido em segredo a sete chaves e gravando um disco que deve ver a luz do dia agora em 2015.

Imagem
Iron Maiden (ainda sem data definida)
Embora não se tenha 100% de certeza, tudo indica que um novo álbum da banda será lançado agora em 2015, basta lembrar que há algumas semanas eles soltaram um cartão de natal com um desenho do mascote Eddie tentando fugir do estúdio com gravações da banda! Além disso, existem notícias que dão conta que o grupo estaria se reunindo em Paris com o produtor Kevin Shirley. Onde há fumaça há fogo...




Comentários